azm_logo-educacional

AzMina agora conta também com cursos, palestras, workshops e oficinas

Conheça aqui nossas propostas educativas

Nana Queiroz

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Nana Queiroz

Nana Queiroz

Diretora de Redação
A Nana é jornalista, escritora e diretora de redação da Revista AzMina. Escreveu os livros "Você já é feminista: abra este livro e descubra o porquê" e “Presos que Menstruam”, além de roteirista do filme de mesmo nome que está em produção (e querendo virar série). Ela também é criadora do protesto Eu Não Mereço Ser Estuprada. Entrou nas listas de mulheres mais destacadas de 2014 do UOL, Brasil Post e do think tank feminista Think Olga. Foi finalista do Troféu Mulher Imprensa 2016. Como jornalista, trabalhou nas revistas Época, Galileu, Criativa e Veja, além dos jornais Correio Braziliense e Metro. No ativismo, foi media campaigner da Avaaz. É bacharel em jornalismo pela USP e especialista em Relações Internacionais pela UnB. Siga a Nana em: www.facebook.com/nana.queiroz

Why do men pay for sex?

191 prostitute clients were interviewed to find out - despite prohibitions and moral barriers - how the request for sexual services is always in a high demand.

¿La prostitución debe ser ilegal o regulada? Tal vez ninguna de las dos…

Modelos que se desvían de los extremos han ganado cada vez más espacio. Conoce cómo es la prostitución en Brasil y alrededor del mundo

Alunos elegem ‘vadias da semana’ e aluna diz ‘querer morrer’

Como evitar que a Escola Estadual Prof Helena Lombardi Braga reproduza o roteiro de "13 reasons why"?

Mulher deveria pedir autorização do marido pra fazer laqueadura?

Norma, ainda válida no Brasil, começa a ser questionada por médicos e conselhos técnicos e pode cair por terra em breve

Por que o novo ensaio da Gucci com felinos é uma afronta

Quem folheou revistas femininas neste mês, deu de cara com um leão mordendo uma bolsa da Gucci e um tigre nadando numa fonte artificial cheia de cloro

A prostituição deveria ser ilegal ou regulamentada? Talvez nenhum dos dois…

Modelos que se afastam dos extremos têm ganhado cada vez mais espaço. Conheça como funciona a prostituição ao redor do mundo

Do fetiche ao medo: minha viagem pelo mundo do sexo pago

Por trás desta série está uma repórter em curto circuito: tudo que vi e ouvi durante os oito meses de apuração só me fazem concluir que temos que ir além do ‘ser contra ou a favor’

Breve história da prostituição: da puta sagrada à devassa pecadora

Ao contrário do que se imagina, a prostituição nasceu bem antes das sociedades patriarcais - e até do machismo

O tráfico sexual no país mais poderoso do mundo

Até 2011, na Georgia, menores de idade também respondiam pelo “crime de prostituição”. Hoje, 601 permanecem presas pelo mesmo motivo em outros estados americanos

Por que os homens pagam por sexo?

Entrevistamos 191 clientes de prostitutas para descobrir como, apesar de proibições e travas morais, a demanda por serviços sexuais sempre é alta
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE