logo AzMina

“Duas mães? E as duas amamentam?”

Elas são mães de gêmeos e ambas amamentam. Confira a entrevista em vídeo sobre as maravilhas e desafios da maternidade lésbica

Melanie Zuccherina e Marcela Tiboni são as mães dos gêmeos Iolanda e Bernardo. Mel foi quem gestou as crianças e Marcela fez tratamento hormonal para amamentar os filhos também. E desde a decisão de engravidar, foram muitos os questionamentos e desafios que surgiram com a maternidade lésbica.

“Parece que numa maternidade só existem desses dois papeis: quem cuida do bebê e quem está para o lado de fora do portão, cuidando do mundo, para que o mundo chegue até a casa. E para a gente… Eu também não tinha as respostas. Eu sei que não vai ser assim, a gente vai encontrar outro jeito. E a gente tem encontrado”, conta Marcela.

Nesse bate-papo com Nana Queiroz, elas contam um pouco sobre os desafios e maravilhas da maternidade lésbica e a possibilidade de criar um jeito próprio de maternar.


Somos movidas por uma comunidade forte. Falta você!

AzMina ajudou a revolucionar a cobertura de gênero no jornalismo brasileiro nos últimos 6 anos. Com informação e dados, discutimos temas tabus, fazemos reportagens investigativas e criamos uma comunidade forte de pessoas comprometidas com os direitos das mulheres. Muita coisa mudou nesse meio tempo (feminicídio deixou de ser “crime passional” e “feminista” xingamento), mas as violências contra as mulheres e os retrocessos aos nossos direitos continuam aí.

Nosso trabalho é totalmente independente e gratuito, por isso precisamos do apoio de quem acredita nele. Não importa o valor, faça uma doação hoje e ajude AzMina a continuar produzindo conteúdo feminista que faz a diferença na vida das pessoas. O momento é difícil para o Brasil, mas sem a nossa cobertura, o cenário fica ainda mais tenebroso.

FAÇA PARTE AGORA