logo AzMina

#VamosMudarOsNúmeros

Parceria com o Cruzeiro Futebol Clube, a campanha levou a desigualdade de gênero para os gramados no 8 de março de 2017. Em jogo contra o Murici pela Copa do Brasil, o time do Cruzeiro entrou em campo com camisas que traziam os números da desigualdade. A campanha repercutiu nacional e internacionalmente, e arrebatou um Leão em Cannes, no mais relevante prêmio da publicidade mundial.

 

Apoie AzMina

A Revista AzMina alcança cada vez mais gente, já ganhou prêmios e tem mais de quatro anos de impacto na vida de milhares de mulheres. A gente acredita que o acesso a  informação de qualidade muda o mundo. Por isso, nunca cobraremos pelo conteúdo. Mas o jornalismo sério e responsável que fazemos demanda tempo, dinheiro e trabalho duro – então você deve imaginar por que estamos pedindo sua ajuda.

Quando apoia iniciativas como a nossa, você faz com que gente que não pode pagar pela informação continue tendo acesso a ela. Porque jornalismo independente não existe: ele depende das pessoas que acreditam na importância de uma imprensa plural e livre para um país mais justo e democrático.

Apoie AzMina