azm_logo-educacional

AzMina agora conta também com cursos, palestras, workshops e oficinas

Conheça aqui nossas propostas educativas

Divã d’AzMina

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

‘Quantas vezes você já foi estuprada?’

'Tente buscar na memória as experiências sexuais, da primeira transa até o último relacionamento. Você pode dizer que nunca sofreu uma violação silenciosa?'

Estou cansada de ouvir ‘você é boa demais pra mim’

'Fico pensando que devo ser mais paciente, mais compreensiva. E menos inteligente, menos forte. Vozes machistas ainda lutam para ter força em mim'

‘Com o pênis torto do meu namorado, aprendi que dedicação é mais importante que anatomia’

'Pouco importa se aquele cara tem fama de ter um pau grande ou é muito gostoso nas fotos do Instagram.'

‘Minha mãe me chama de burra e vadia, e faz de tudo para me separar dos meus namorados ‘

'Os surtos começaram com a minha adolescência. A mãe companheira e confidente que eu conhecia sumiu'

‘Transei com um desconhecido no banheiro e ele filmou tudo, sem eu saber’

'Joguei na cara dele que era crime. Ele respondeu que crime seria se ele publicasse em algum lugar'

‘Estou há três meses limpa: parei de tomar anticoncepcional’

'Tudo são flores nessa minha nova empreitada? Claro que não. Mas parei por querer voltar a entender o meu corpo'

‘Sei que sou lésbica desde os 11 anos. Aos 14, experimentei transar com homens. Fui estuprada’

'Fechei os olhos e pedi pra Deus que acabasse logo. Falei que estava doendo, e ele disse que, se eu não relaxasse, ia doer mesmo'

‘Tá vendo aquela gordurinha na minha cintura? Eu amo’

'Ela me incomodou a vida inteira, e eu nem sei se ela esteve a vida inteira ali, mas, na minha mente, sim, esteve. Mas aí a gente cresce e começa a valorizar o que é'

‘Aos 65 anos, experimentei sexo virtual. E, quando nos encontramos ao vivo, fui agredida’

'Eu sabia o que ele queria. Mas, droga, meus cabelos são brancos. Não tenho mais tempo pra não viver o que a vida me pede'

‘Não gosto de transar com meu namorado. Mas ele é o cara mais legal do mundo’

'Quero ter um companheiro muito mais do que quero gozar. E, quando quero gozar, me masturbo e fica tudo bem'
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE