azm_logo-educacional

AzMina agora conta também com cursos, palestras, workshops e oficinas

Conheça aqui nossas propostas educativas

Bruna Escaleira

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Bruna Escaleira

Bruna Escaleira

Autora da coluna "AzMina dão a letra", Bruna é uma jornalista e escritora paulistana. Pesquisa literaturas e feminismos na USP e faz parte da Coletiva Circular de Poesia Livre. Escreve desde que aprendeu a combinar as letras e publicou o livro de poesia "entranhamento".

Teatro também é literatura: quem são as dramaturgas do nosso tempo?

Conheça 30 mulheres da cena teatral brasileira e trechos exclusivos de suas peças

Poeta mostra a História do Brasil sob a ótica de um útero

Em seu segundo livro, Luiza Romão revisita bases patriarcais com 28 poemas que representam as fases do ciclo menstrual

Mulheres na literatura: A ‘força bruxa’ emerge para quebrar a hegemonia masculina

Quando você muda a leitura e inclui as mulheres, não apenas altera o presente, mas a perspectiva do que é a tradição literária

A descoberta de que pessoas atrás das grades também são…pessoas

Em 'Desterros', psiquiatra paulistana transforma em literatura histórias de pacientes de um hospital-prisão

‘Ser escritora é um posicionamento político’

Nossa colunista, Bruna Escaleira, está lançando seu segundo livro de poesia. Aqui ela fala sobre seus projetos e dificuldades que enfrenta no mercado. E revela um poema inédito

Martha Batalha: vozes silenciadas, histórias que poderiam ter sido

Autora, que está lançando seu romance de estreia, fala sobre seus projetos e as dificuldades que existem atualmente no mercado editorial brasileiro

Karina Buhr, a síntese da liberdade selvagem e viva

Em texto exclusivo para a Revista AzMina, a poeta Maria Giulia Pinheiro faz uma declaração pública de amor à cantora pernambucana e conta como a artista influenciou sua trajetória

Prêmio Bravo! completa 12 anos contemplando só homens na literatura

Ausência de mulheres e negros no júri e entre os finalistas da categoria é alvo de protestos. Grupo propõe criação do Prêmio Bravíssima!

Sua xoxota é linda e pode ser poesia!

Elas espalham vaginas e poemas pelas ruas para promover a autoestima das mulheres

Todo dia é Dia da Mulher: leia um poema inédito e exclusivo de Anna Zêpa

'Eu só gosto de homem feminino. Do homem que foi obrigado a usar certas roupas para não provocar abusos', diz a autora natalense
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE